1 2 3
5

O que é Parto Humanizado?

Olá Mães Amigas,

O parto humanizado não é um "tipo de parto" e sim um conceito em parir. A mulher que toma essa decisão, acredita na sua fisiologia e na sua capacidade de trazer o seu bebê para o mundo. Pode ser dentro da sua casa ou em um hospital. Pode ser de uma maneira natural, sem anestesia ou sem o corte curúrgico feito no períneo. Pode até mesmo acontecer uma cesariana necessária...

De uma forma ou de outra, a mãe amiga que optar por fazer um parto humanizado precisa apenas respeitar todo esse processo da gestação ao dia do nascimento, sem fazer intervenções desnecessárias. Ela precisa apenas assistir esse desenvolvimento e se entregar profundamente para cada etapa. 

Para aquelas mamães que ficaram curiosas para saber um pouco mais sobre esse tema, segue a entrevista com uma equipe especializada nesse assunto e com a Sabrina Ferigato, a mãe amiga que optou vivenciar esse momento. 



Clique no vídeo para assistir a entrevista.







5 comentários:

Mariana

Uma amiga me indicou o link para ver a entrevista e gostei muito do blog!
Eu admiro muito a Sabrina e a escolha que ela fez.
Eu também tive um parto humanizado e digo que não há nada no mundo que pague a experiência de se colocar um filho no mundo e se sentir completamente responsável pelo processo de gestar e parir.
Mas, fica a dica: além de a mãe respeitar o processo de gestação e nascimento, ela precisa se informar, precisa ter um encontro com ela mesma, desvendar quais são os seus medos e combatê-los através da informação. É sabendo de onde vem esse medo e o que tal situação poderá causar, e tb como podemos agir caso essa situação apareça, que a gente vai se sentindo segura pra acreditar no nosso corpo.
Infelizmente vivemos num país onde a cultura é a cesárea, onde parto normal "é coisa pra pobre" (como já ouvi muitas vezes, lamentavelmente) e as mulheres não são preparadas para parir, como acontece em países que respeitam as recomendações da OMS para o nascimento. Os médicos se tornaram protagonistas, querem suas "pacientes" deitadas, controladas e se possível, com todo o processo de parto acelerado (por meio de intervenções ou por meio da cirurgia) para eles voltarem mais cedo pra casa ou não perderem o feriado...
Por isso, o melhor caminho, é encontrar uma equipe que apoie e investir nisso. Parto é investimento. Eu não me arrependo nem um minuto de ter gastado mais no parto do que no enxoval e faria tudo de novo :-)
Vale muito a pena! É um processo de renascimento. Junto com o bebê, nasce uma nova mulher.

Polyana

Fiquei feliz com o seu depoimento Mariana! Muito obrigada por expor sua visão e seu sentimento! Parabéns pela escolha!!! Um beijo, Polyana Pinheiro.

Sou a Lu da Analu Festas

Linda reportagem e depoimento.
Sempre tive esse sonho mas nunca consegui nem apoio de medicos nem informaçoes suficientes para poder realiza-lo. Fiz duas cesarias (as duas com pós operatorio terriveis!)e fico feliz que agora o grupo possa compartilhar e poder ajudar muitas outras mães. De qualquer forma agradeço a Deus pelos meus 2 presentes que fizeram minha vida mudar pra MUITO melhor.
Adorei o site,e adoro a pagina do face,estou sempre acompanhando (mesmo nao comentando rs).
Um beijo

Paty Fornier Costa

Matéria encantadora!!!! O vídeo é emocionante e assistindo a essa matéria encoraja ainda mais de trazer ao mundo um nova vidinha! Corajosa ela!! Parabens Poly por trazer pra nós mães um depoimento tão belo!!! PARABENS a todas pela produção!!!!

Polyana

Obrigada meninas! De coração! Estamos trabalhando para trazer muitas novidades para vocês!

Postar um comentário

Mãe Amiga talvez você goste...