1 2 3
4

“Comida de Gala”

Hoje é dia de estréia, mas não é nos cinemas, nem nos teatros. É estréia aqui mesmo no Grupo Mães Amigas. A primeira de muitas colunas que virão no nosso site com cheirinho de bebê, de recém-nascido e, assim como nossos pimpolhos, irá amadurecendo, crescendo ao longo das semanas. E assim como o nosso grupo, essa coluna também é dedicada às mães e aos filhotes com um gostinho de quero mais. Então participem, enviem suas sugestões, dúvidas, críticas, sempre sobre o universo da gastronomia, alimentação, nutrição, restaurantes e muito mais.

Hoje eu escolhi, para abrir e abrilhantar a nossa conversa semanal sobre comidinhas, uma receita bem bacana. De minha autoria, ela vem recheada de boas intenções para ser escolhida: é uma receita simples, que serve de base para outras preparações, que tem a ver com esse friozinho, que os pequenos podem comer, com um ingrediente - chefe conhecido (mas pouco explorado aqui na nossa região), e que tem seu toque de sofisticação, afinal, estréia é sempre de gala.

O prato da semana é.... RISOTO DE PINHÃO.

Risoto de Pinhão


O Pinhão


100 a 200g de pinhão
As mães que são do sul provavelmente conhecem mais essa semente que fica a metros e metros do chão, dentro das pinhas das araucárias. Aqui na nossa região é facilmente encontrada nos mercados nesta época do ano. Na hora de escolher, opte pelas unidades mais gordinhas, sem ‘furinhos’ e com aparência brilhante. Para esta receita, vamos usar de 100 a 200g de pinhão. Quem gosta mais, coloca mais!

Arroz Italiano

2 xícaras de arroz
Essa é a base de todos os nossos risotos. Mas não se desespere se não tiver um arroz italiano, vai com o “agulhinha” mesmo! É que os tipos apropriados para a preparação, como o Carnarolli e o Arbório, tem características próprias que contribuem para que o risotto tenha aquela consistência cremosa. São facilmente encontrados nos supermercados. Vamos usar aqui nessa nossa receita, duas xícaras de arroz.


Vinho branco seco

 1 xícara de vinho branco seco
O vinho é outro ingrediente indispensável para um bom risotto. Em sua maioria branco e seco, também encontramos nas preparações deste prato tipicamente italiano, o tinto e em alguns casos o demi-sec e até o doce. Na nossa receita vamos usar cerca de 1 xícara de vinho branco seco. Lembrando que quanto melhor o vinho, melhor fica o prato.





Parmesão

150g de parmesão
Em quase toda receita de risotto que se preze vai parmesão. De preferência, ralado grosso. Também é outro ingrediente super fácil de ser encontrado nas gôndulas dos supermercados e, geralmente, bem fresquinho. Mas se não tiver, pode ser o de pacotinho, mesmo. Reserve para o final da receita, cerca de 150g desse queijo.



Manteiga, azeite, cebola

1 ½ colher de sopa de Azeite
 E o alho? Ok, se quiser, pode por um dentinho de alho. Mas esses três ingredientes estão sempre presentes no risotto. De azeite, vamos usar 1 ½ colher de sopa, de cebola, uma unidade média e de manteiga ou margarina (o que você preferir ou tiver em casa) 2 colheres de sopa não muito cheias.



Água quente e caldo de carne

1 litros de caldo de carne
O caldo de carne pode ser aquele que você preparou com uma carne bem deliciosa, com legumes e o molho ficou guardadinho. É só coar, acrescentar mais água e colocar tudo isso para ferver. Se não tiver o caldo caseiro, coloque a água para esquentar e acrescente 2 tabletes de caldo pronto. A água para usar no risotto tem que estar sempre quente.

Mãos a obra (e que seja uma obra prima!!!)

Passo 01:
A nossa preparação é um pouquinho demorada porque temos que cozinhar o pinhão previamente, o que pode ser feito com um dia de antecedência. Coloque a semente na panela de pressão, cubra com água e acrescente 4 colheres de sopa de sal. Isso mesmo!!! É difícil do danadinho pegar sal durante o cozimento. Depois que pegou pressão e a panela começou a chiar, deixe por, pelo menos, 50 minutos. Neste caso, quanto mais molinha estiver a casca, melhor. Tire a pressão, espere esfriar e descasque um por um. Com uma faquinha bem afiada, abra a lateral do pinhão e tente removê-lo sem machucar. Em seguida corte em lâminas e reserve.

Passo 02:
Em uma panela, coloque um fio de azeite e a cebola raladinha ou picada delicadamente até ficar transparente. Em seguida acrescente o arroz e deixe fritar durante um tempinho. Agora é a vez do vinho: coloque e mexa até que todo o líquido tenha evaporado, restando apenas o delicioso sabor do vinho no arroz.

Passo 03:
Com a água já quente, misturada ao caldo, derrame sobre os ingredientes até cobrir em um dedo. Mexa aos poucos até esse caldo evaporar. Você vai repetir esse procedimento quantas vezes forem necessário até o arroz ficar al dente, ou seja, levemente durinho e ainda úmido (sem deixar que todo o líquido da panela tenha evaporado). Desligue o fogo e tampe a panela.

Passe 04:
Em uma frigideira, derreta a manteiga (coloque um fio de azeite, também) e ponha os pinhões já em lâminhas. Deixe fritar. Você vai reparar que as lascas vão mudando de cor. Não precisa ser mais do que 3 minutos nesse processo. Retire do fogo e em seguida, misture ao risotto e coloque o parmesão ralado. Mexa, tampe novamente. Deixe descansar por mais 3 minutos e sirva. Pode ser acompanhado de uma carne assada (de vaca ou porco), uma salada de folhas, ou simplesmente para ser apreciado sozinho com um bom vinho.

Pronto!

É isso meninas! Espero que tenham gostado e que encontrem aqui, na nossa coluna, um canal para conhecer um pouco mais sobre gastronomia e alimentação. Teremos matérias sobre nutrição, dicas de cozinhas, restaurantes, inaugurações e muito mais. Não deixem de participar e até a próxima semana!

Beijocas.

_________________________________________________________________________

Colunista: Taís Picchi (tais@taemcasagourmet.com.br)


Lucas, 4 anos e Taís Picchi


É a mãe do Lucas. É jornalista por formação, mas chefe de cozinha por paixão. Hoje atua entre panelas e fogões do Tá em Casa Gourmet, prestando serviço de buffet itinerante, oferecendo cursos de culinária e trabalhando com congelados personalizados.

Contato: (19) 9741-6292

4 comentários:

Helena Pazzetti

Amo Pinhão e amo Risoto, combinação perfeita! Parabéns pela apresentação da receita tbém que tá ótima, super detalhada! Parabéns.

Tainah

Adorei a coluna, parabénss!! A receita está super bem explicada, até a maneira como escolher o pinhão vc detalhou! parabénss!

Taís Picchi Ferrarezi

Oi Meninas!
Que bom que gostaram da receita! Já testaram?
Quando fizerem me contem a experiência!!!
E se precisarem de dicas, fiquem a vontade!
Beijocas

Roteiro Baby Campinas

Mto bom! Vou tentar fazer, mesmo não gostando de pinhão! rs

Natália Piassentini

Postar um comentário

Mãe Amiga talvez você goste...